Dica de Filme ~ Now Is Good



Olá cerejinhas

Tudo bem com vocês meus amores, hoje começarei um novo quadro aqui no blog, que é o Dica de Filme, adoro filmes,  assisto pelo menos 3 por semana, quando estou sem tempo, mais é disso pra mais com certeza, adoro assistir filmes, de diversos temas, então  pensei por que não começar a dar dicas de filmes bons, aqui no blog, pras leitoras mais fofas do mundo, hein hein?
Então, bora lá....


 Pra estrear nosso quadro escolhi um filme que assisti recentemente, mais ele é do ano passado! Now Is Good (Agora fico bem).

Sinopse: Tessa tem 17 anos e uma paixão pela vida. Quando lhe é diagnosticada uma doença terminal, Tessa decide utilizar cada momento da sua vida. Com a ajuda da sua amiga Zoey, cria uma lista daquilo que uma adolescente normal devia experimentar, incluindo perder a virgindade e tomar drogas, e começa a pô-la em prática. Enquanto a sua família lida com o medo e a tristeza, cada um à sua maneira, Tessa explora um mundo totalmente novo, acabando por se apaixona-se por Adam, o seu novo vizinho, uma experiência que não estava na lista mas que acaba por ser a mais emocionante de todas.


   Como lido na sinopse, Tessa é uma adolescente com câncer, e como sabemos, todos que sofrem de câncer vivem rodeados de dramas e bajuladores, quando na verdade tudo o que eles querem é poder aproveitar seus últimos momentos como pessoas comuns. Sem medo.
  Como uma pessoa que antes da doença amava a vida, a protagonista resolve fazer uma lista de coisas que quer fazer antes de morrer. Essa lista fica escondida atrás da cortina de seu quarto, para que o pai dela não leia. Alguns dos itens da lista são: fazer sexo, roubar, beber, se drogar, etc e tal, e digamos que ela consegue cumprir uma grande maioria desses desejos, inclusive até um que não fazia parte da lista. NAMORAR!
  


 (Trecho do filme: Aqui não estou doente, só preciso ficar nesta floresta. Ficar longe do mundo moderno e das engenhocas, e ai não ficarei mais doente. Pode ficar comigo, se quiser. Eu gostaria se você ficasse. Construiríamos coisas, abrigos e trilhas.  Vamos cultivar vegetais. Estaremos seguros).


Ela conhece esse garoto, Adam, seu novo vizinho, que perdeu o pai a algum tempo e mora com a mãe, ele gosta dela e ambos começam a se encontrar, mas durante uma das recaídas da garota, ela decide que não quer ver Adam sofrer por sua morte, mas acaba entendendo que isso é inevitável.

  Você deve achar que esse filme é totalmente dramático, mas não. Tem sim alguns momentos, mas é bem divertido e descontraído em vários outros. É repleto de cenas lindas, fofas e angustiantes.
  A parte dramática se trata do fato de o pai de Tessa viver em cima dela com medo de perdê-la e da mãe dela não saber lidar com a situação da filha. Já as partes mais vida loca do filme são compostas pelas loucuras que Tessa faz acompanhada de sua melhor amiga ou de seu novo namorado.


  Eu gostei bastante do filme, e acho que deveria ter sido lançado no Brasil, apesar de não ter me cativado do começo ao fim. Ele possui um andamento meio lerdo, que só te faz chorar bem no fim, quando Tessa começa a ter flashs de momentos felizes longe do câncer, esses proporcionados pelas drogas que tiram a dor da partida.

  É um filme bom que vale a pena, então não perca a chance de chorar um pouco e trazer mais algum ensinamento para a sua vida.



Trailer do filme ~



pra quem quiser,  assistir o filme,clique AQUI , que foi onde eu assisti o filme dublado! Não se esqueçam dos lencinhos de papel, vão precisar! Espero que tenham gostado!

Um Big Beeijão...


6 comentários: